Home » Cutucada da VP » Ponto de ônibus da rua Dianópolis continua sem assento

Voltamos a rua Dianópolis, onde a pedra do banco do ponto de ônibus desapareceu e o local continua do mesmo jeito. Conversamos com um dos usuários do ponto, Oziel Lopes, 43, manobrista, que reclamou das condições do banco, pois não pode se sentar para aguardar o coletivo chegar.
“Já faz uns meses que tá assim. Eu pego o ônibus para o parque Belém todo dia e não consigo me sentar nesse banco quebrado. Mais um descaso, infelizmente”, finaliza, Lopes.

Fizemos a solicitação de reparo no começo do mês a até agora, tivemos apenas uma resposta do Twitter da Sptrans, que dizia ser responsabilidade da SP Obras:

sptrans

Na tarde de sexta-feira, 28/10, a SP Obras também respondeu ao Vozes no twitter sobre a nossa publicação:

spobras

Continuaremos com a com a busca por soluções e na espera de que os órgãos responsáveis façam o seu trabalho, que é a manutenção do local que foi mostrado pelo nosso jornal.

Deixe um comentário

comentários